Pesquisar este blog

terça-feira, 16 de junho de 2009

OS DOIS LADOS NA POLÍTCA

A oposição

O senador Álvaro Dias (PR), vice-líder do PSDB, disse que o governo inflou os números do "Minha Casa, Minha Vida" numa jogada de "marketing" para impressionar a população de baixa renda. "Acho um desrespeito à família pobre desse país que se frustrará. Mais uma vez, milhões de brasileiros vão ficar alimentando apenas o sonho da casa própria", afirmou.

Para o líder do PSDB, Arthur Virgílio (AM), o governo "exagera" ao anunciar medidas que não serão cumpridas na prática. "O PAC [Programa de Aceleração do Crescimento] na propaganda é uma coisa, na prática é outra. Uma coisa é anunciar, outra é fazer", afirmou.

O governo

"Os compromissos que o presidente faz saem do coração. Do coração de quem viveu a vida que vocês vivem, que conhece as dificuldades pelas quais vocês passam, que sabe perfeitamente o que é não ter onde morar, o que é não ter esgoto, o que não ter água tratada - disse, arrancando aplausos e gritos isolados de 'presidente' ". Pronunciamento da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff em balanço do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) no Distrito Federal, na segunda-feira (15/06). "O PAC não é projeto de marketing", afirmou a ministra.

Fonte: Folha Online / O Globo

Um comentário:

  1. Estes projetos são todos eleitoreiros.

    A oposição marca presença nas críticas e a situação se vangloria da criação das ilusões.

    E depois que os personagens mudam de lado, a lorota continua a mesma.

    Este é o meu Brasil brasileiro, Brasileiro...

    ResponderExcluir

Comentários Moderados.
Só serão publicados após aprovação do editor do blog.
Não serão publicados comentários de Anônimos, fora do contexto da postagem ou que utilizam de linguagem inadequada.

Comentários

+ VISTAS nos 7 dias